Fim de papo. Dolsonaro determina fim do diálogo com o MST

A Folha de S. Paulo informa que o novo ouvidor agrário nacional do Incra, coronel João Miguel Souza Aguiar Maia de Sousa, enviou ontem um documento às superintendências do órgão com a orientação de que seus chefes subordinados não recebam mais entidades ou representantes “que não possuam personalidade jurídica”, caso do MST.

O ouvidor afirmou que “não deverão ser atendidos invasores de terras (estes devem ser notificados conforme a lei)”.

É o fim do diálogo com o MST

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

Sorry, comments are closed for this post.