Responsável, junto com o defunto Hugo Chàvez, por um dos maiores desastres econômicos e administrativos da história, Nicolás Maduro, não se dá por achado. Ele desafiou Jair Bolsonaro e Hamilton Mourão.

Ele disse, segundo a AFP:

“A Venezuela não é o Brasil. Aqui não vai ter um Bolsonaro. Aqui será o povo e o chavismo por muito tempo (…). Bolsonaro aqui não teremos nunca, porque nós construímos a força popular.

Aqui o espero, com milhões de homens e mulheres e com as Forças Armadas. Aqui o espero, Mourão, venha pessoalmente”.

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Leave a Reply