Durante palestra realizada em Curitiba, general Hamilton Mourão, candidato a vice-presidente de Jair Bolsonaro, se mostrou firme na liderança da chapa na ausência do candidato, fora de combate após atentado covarde contra sua vida. O climax do evento se deu quando o general explicou a situação dramática dos nossos vizinhos venezuelanos e respondeu ao medo que muitos brasileiros tem que o Brasil siga um caminho semelhante. Mourão explicou que a Venezuela foi tomada pelo comunismo porque as Forças Armadas do país foram infiltradas por elemento marxistas e garantiu: “O Brasil jamais se tornará uma Venezuela, porque nossas Forças A  rmadas jamais serão cooptadas!”

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

Sorry, comments are closed for this post.