Dyogo Oliveira, o atual presidente do BNDES, afirmou que foi um erro o banco ter emprestado a Cuba e Venezuela no passado –hoje está claro que as ditaduras não podiam honrar seus compromissos.

O saldo devedor dos empréstimos, concedidos durante os governos do PT, é de mais de R$ 4 bilhões, e os dois países estão com prestações atrasadas.

“Provavelmente [os empréstimos] não deveriam ter sido feitos, e agora temos que ir atrás do dinheiro para receber“, declarou Oliveira em evento no Rio, conforme o relato da Folha

O petismo é assim: torra o seu dinheiro para ajudar as ditaduras amigas.

 

 

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

Sorry, comments are closed for this post.