Conhecida como a capital mais anti-petista do mundo, a Republica de Curitiba odeia tanto essa facção disfarçada de partido que, não contente em ter o Lula enjaulado como atração turística,  deu 62% dos votos para Jair Bolsonaro já no primeiro turno. A expectativa do curitibano é aumentar a coleção de comparsas petistas presos na cidade. Amanhã se espera outra votação histórica pelo anti-petismo, como diria Dilma: ‘vamos dobrar a meta’.

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

Sorry, comments are closed for this post.