O deputado Alessandro Molon (Rede-RJ) é um homem de dois pesos e duas medidas. Rapidíssimo em pedir o impeachment de Michel Temer, lutou como um desesperado contra o impeachment de Dilma Rousseff, alvo de acusações muito mais graves que as que envolvem o atual presidente. Molon está fazendo o jogo de Marina, que quer ser candidata, e de Lula que só pode escapar da cadeia se conseguir ser candidato antes da condenação (inevitável0 em segunda instância.

O deputado Alessandro Molon (Rede-RJ) protocolou na noite desta quarta-feira (17) um pedido de impeachment contra o presidente Michel Temer (PMDB). A solicitação foi feita após a divulgação do conteúdo da delação premiada do empresário Joesley Batista, dono da JBS, segundo a qual o presidente teria endossado o pagamento de propina ao ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Trata-se do primeiro pedido de impeachment contra Temer. Em entrevista coletiva, Alessandro Molon afirma que a atuação do presidente fere a lei de responsabilidade e que, neste caso, a punição prevista pela legislação é a perda do mandato. Na opinião dele, o Congresso deve “parar” diante da divulgação da delação, que caiu como uma bomba no Palácio do Planalto.

Segundo Molon, “agora, a bola está com Rodrigo Maia”, referindo-se ao presidente da Câmara. “É evidente que ele não pode engavetar este pedido, porque não há provas mais robustas do que essas apresentadas neste caso com gravação, com dinheiro marcado, com filmagem de entrega de dinheiro e com vários parlamentares envolvidos neste grande esquema que foi montado para manter as denúncias contra Temer e sua quadrilha escondidas”, disse o parlamentar da Rede.

O deputado avalia ainda que, diante da gravidade do conteúdo, o Congresso deverá interromper a votação de reformas importantes, como as reformas trabalhista e da Previdência Social. “O governo acabou. O Congresso precisa parar o que está fazendo e cumprir a sua primeira missão, que é a de cassar o mandato de Michel Temer e, em seguida, o Brasil precisa de eleições diretas.”

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

One Response to Deputado da Rede, que pediu impeachment de Temer, lutou contra impeachment de Dilma

  1. Com certeza deve ser outro sem vergonha como todos os demais 500 que estão lá gastando R$ 320.000,00 por mes do nosso dinheiro suado.