O Serviço Bolivariano de Inteligência (Sebin) foi aos domicílios dos líderes opositores venezuelanos Leopoldo López e Antonio Ledezma, que estavam sob regime de prisão domiciliar, e os trasladou para um lugar ainda desconhecido. Segundo denunciou Lilian Tintori, mulher de López, nas redes sociais, “não sabemos onde está nem pra onde o levaram. Maduro será responsável se alguma coisa acontecer com ele”. A detenção de Ledezma foi informada por outros dirigentes da Mesa de Unidade Democrática (MUD), também através das redes.

As detenções arbitrárias acontecem 24 horas depois da eleição da Assembleia Constituinte, contestada pela oposição e por parte da população venezuelana contra a intenção do governo Maduro de perpetuar o líder no poder sem apoio do povo.

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

One Response to Ditadura escancarada. Maduro invade casas e prende opositores na Venezuela, país dos sonhos do PT

  1. A situação política venezuelana é a que o PT, Psol e Rede sempre desejaram para o Brasil, Lula e Dirceu sempre quiseram ser o Chaves brasileiro, muito antes do tal de Hugo existir, somente não conseguiram porque menosprezaram Roberto Jefferson, encontraram uma imprensa livre e independente e o povo foi para as ruas quando ainda havia tempo.
    Escapamos por pouco, muito pouco mesmo, se ao invés de reeleger Dilma, Lula fosse o eleito, estaríamos exatamente na mesma situação por que passam os Venezuelanos.