Duas emendas da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) prevêem a destinação R$ 400 mil para o MST e para CUT. Para o MST, serão R$ 200 mil para realização de feiras e eventos, capacitação de assentados, promoção, divulgação e comercialização dos produtos da reforma agrária.

E para CUT, são mais R$ 200 mil para produção de conteúdo de áudio visual – veiculação em tv aberta, tv a cabo, rádio e distribuição nas redes sociais de internet pela Fundação Sociedade Comunicação, Cultura e Trabalho. A fundação controla a TVT (TV dos Trabalhadores), mais conhecida como TV Lula.

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

3 Responses to Emendas de Gleisi: R$ 400 mil para MST e CUT

  1. Gleisi é uma indecente, espero que tenha resposta nas urnas, debocha do eleitor paranaense, um dos mais conscientes do Brasil.