O presidente eleito, Jair Bolsonaro, criou a Secretaria Especial de Assuntos Fundiários, que será assumida pelo ruralista Nabhan Garcia.

Segundo a futura ministra da Agricultura, Tereza Cristina, a estrutura deve ser ligada à sua pasta.

Garcia é amigo de Bolsonaro e presidente da UDR (União Democrática Ruralista). Ele chegou a ser cotado para assumir a Agricultura, cargo que acabou recebendo indicação da FPA (Frente Parlamentar da Agricultura).

Nabhan se reuniu na quarta-feira (21) co m Bolsonaro e com Tereza Cristina. Para aparar arestas de divergências sobre as indicações para a pasta, os dois tiraram fotos juntos em encontro no CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil). 

À Folha, Nabhan disse que pretende fazer uma política de respeito à propriedade.

“Quero fazer um programa de reforma saudável, sem invasões”, disse.

“Isso não quer dizer que propriedade improdutiva não seja desapropriada para reforma agrária, porque isso esta na lei.”

Ele disse que vai modificar o modelo de reforma agrária em sua gestão.

“Vamos fazer reforma com pessoas que têm vocação. Não vai ter mais reforma ideológica”, disse. (Folha de S. Paulo)

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

Sorry, comments are closed for this post.