Analistas acreditam que o rápido crescimento do candidato-poste de Lula, Fernando Haddad, representa a existência de um voto oculto na sociedade. Em quase todas as manifestações de rua, nas quais a esquerda vinha se destacando nas últimas décadas, oque se observa é um número patético de corajosos, dispostos a declarar abertamente o apoio a um candidato que recebe ordens diretamente da prisão. Mesmo as tradicionais táticas de estimular os manifestantes na base de dinheiro trocado e pão e mortadela não vem funcionando. Essa situação de falta de capital político levou muitos a acreditarem que petista é um tipo de jumento já extinto, mas a realidade mostrada pelas pesquisas é outra. Independente dos números específicos todas as últimas pesquisas mostram um elevado crescimento para o candidato do PT, seja o Ibope, Datafolha ou BTG Pactual. A explicação estaria naqueles petista escondidos, na moita, pretendem votar no partido mas não tem coragem de espalhar por aí, afinal não é qualquer um que tem coragem de declarar apoio ao que pode ser, justificadamente, chamado de facção criminosa.

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

Sorry, comments are closed for this post.