O juiz federal Sergio Moro votou por volta das 9h35 da manhã deste domingo (7) no Clube Duque de Caxias, no Bacacheri, em Curitiba. Responsável por julgar os processos da Lava Jato na primeira instância, ele chegou ao local de votação pela entrada principal do clube, ao contrário do que fez na última eleição, em 2016, quando acessou o ginásio pelos fundos.

Acompanhado por dois seguranças, Moro teve que aguardar cerca de cinco minutos para se dirigir até a cabine de votação, pois outros eleitores esperavam antes dele na fila da seção. Neste tempo, ele cumprimentou os mesários e recebeu o apoio de alguns eleitores, que agradeceram o trabalho que tem feito, especialmente pela Lava Jato, que investiga denúncias de corrupção envolvendo políticos e governos. “Deus te abençoe”, “Obrigada por tudo” e “Parabéns” foram algumas das palavras ditas por eles ao juiz.

Ao deixar a seção, Moro teve que voltar à mesa, pois havia esquecido seu documento com os mesários. Ele não atendeu aos pedidos de entrevista dos profissionais da imprensa. “Vou ficar devendo. Hoje é dia dos políticos”, limitou-se a dizer.

Na saída, Moro foi aplaudido por alguns eleitores que aguardavam na entrada do ginásio do Clube Duque de Caxias, ao que retribuiu com gestos discretos. O magistrado se manifestou pouco durante a campanha, mas em julho, durante um evento em São Paulo, que o Brasil precisa “do exemplo de lideranças honestas” e “de políticas mais gerais para diminuir os incentivos e oportunidades da corrupção”. (Gazeta do Povo)

 

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

Sorry, comments are closed for this post.