Merval Pereira comentou o efeito da denúncia da Folha de S. Paulo sobre o resultado de domingo:

“O suposto escândalo das mensagens inverídicas de WhatsApp, baseado em uma denúncia jornalística inepta, acabou sendo soterrado pelo próprio candidato petista Fernando Haddad, que se precipitou em divulgar uma fake news de primeira grandeza: avalizar a denúncia de que o general Mourão foi um torturador.”

A denúncia de que o general Mourão teria torturado um cantor petista em 1969 esbarrou em um fato objetivo: em 1969, Mourão era um adolescente de 16 anos e cursava o Colégio Militar.

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

Sorry, comments are closed for this post.