dilma louca

Reportagem da Folha informa que, às vésperas da votação do impeachment no plenário do Senado, que poderá afastá-la temporariamente do cargo, a presidente Dilma Rousseff chamou de “ridícula” a denúncia que embasa seu pedido de impeachment e repetiu que o processo é uma tentativa de chegada ao poder de um grupo que não teve votos suficientes na eleição.

A frase foi dita pela presidente em mais um evento que, dentro do Palácio do Planalto, reúnem-se militantes com seu bordão “Não vai ter golpe” e “Fora Cunha”. Era cerimônia de renovação provisória do programa Mais Médicos, com emissão de Medida Provisória prorrogando por mais três anos o prazo que permite que médicos estrangeiros atuem no país mesmo sem revalidação do diploma no Brasil; a MP tem de ser aprovada pelo Congresso Nacional.

A presidente disse que o pedido apresentado pelos advogados Miguel Reale Júnior e Hélio Bicudo “não tem base real” e é uma tentativa de se praticar uma “eleição indireta transvestida de impeachment”. Disse ainda: “Eu tenho clareza que é ridícula a acusação, porque o que fizemos foi garantir programas sociais e de incentivo à indústria e à agricultura”, disse. “Esse processo é um golpe porque não se trata de um processo de impeachment, mas de uma eleição indireta daqueles que não tiveram voto nas urnas”. (Reinaldo Azevedo)
Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

0 Responses to Prestes a ser expelida do Planalto, Dilma chama de “ridícula” denúncia do impeachment

  1. É necessário que se tire cópias, envie e-mails, que sejam lido nas escolas, para todo brasileiro ter conhecimento na íntegra do pedido de impeachment, que foi muito bem fundamentado pela Lei 1079/50 e pela Constituição, apontado os crimes de forma clara e objetiva. Duvido que qualquer pessoa que leia, ainda que tenha pouco conhecimento cairá nessa falácia de “golpe.”.

  2. Desespero total e nao entndo Dilma pois se nao vejamos, quem esta querendo assumir o poder atraves de um impeachment, e o proprio aliado dela, Temer junto com ela formaram uma chapa em 2014 e foram vitoriosos na eleição, como tambem tiveram sucesso em 2014 sem nada mudar, ate a pouco Temer foi seu companheiro de Planalto, portanto de uma hora pra outra Temer passa a ser golpista e Dilma não?