Jair Bolsonaro, se eleito presidente, quer que as escolas voltem a oferecer aulas de educação moral e cívica.

O PT não gosta da ideia. Em seu site, o partido diz que que “o plano de governo de Bolsonaro é inspirado no regime de exceção” por defender “a volta de disciplinas da ditadura”.

O PT é a favor de proselitismo a favor de práticas LGBT, como evidencia esse filme, produzido pelo Ministério da Educação na gestão de Fernando Haddad:

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

Sorry, comments are closed for this post.