Brasília- DF 02-08-2016   Presidentes da câmara Rodrigo Maia e presidente do senado Renan Calheiros após reunião para defenir votações. Foto Lula Marques/Agência PT

Hoje (16) no início da tarde um grupo de manifestantes assumiu o controle da Câmara dos Deputados, venceu os seguranças e com o controle do plenário gritaram palavras de ordem pela intervenção militar, cantaram o hino nacional e xingaram de “bandido” o deputado Valdir Maranhão, responsável por tentar anular o impeachment de Dilma.  No final da tarde o grupo foi preso pela polícia pelas ordens do presidente da Casa Rodrigo Maia que chamou o grupo de: “baderneiros irresponsáveis”, o Maia ainda garantiu que o grupo será indiciado.

A decisão é irônica uma vez que a Câmara já foi invadida diversas vezes por movimentos de esquerda que não só sairão impunes como são aclamados como heróis por diversos políticos. Outro exemplo asquerosos são os invasores de escola que causaram dezenas de milhões em prejuízo ao cofres públicos, mas após meses de invasão e vandalismo sairão impunes e aclamados pela mídia como “ocupantes legítimos”. 

A pressa de liberar o plenário pode esconder interesses escusos. Segundo os correspondentes em brasília a Câmara dos Deputados tentara ainda essa noite, novamente, aprovar medida para garantir anistia aos políticos que praticaram caixa 2 em suas campanhas.    

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

2 Responses to Rodrigo Maia manda prender todos intervencionistas. Esvazia a Câmara para aprovar anistia aos corruptos praticantes do caixa 2 ainda hoje

  1. tem que prender esses otários, mesmo. não pela ocupação momentânea da Câmara… mas por defenderem o crime do golpe militar!